PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
03/01/2018 16h18 - Atualizado em 04/01/2018 12h15

Ministério da Saúde destina R$ 250 milhões para compra de equipamentos de saúde bucal

Carolina Valadares, da Agência Saúde


O Ministério da Saúde está destinando R$ 250 milhões para melhorar a assistência à saúde bucal no país. A verba é para a compra de equipamentos e material permanente de saúde bucal de municípios, de todas as regiões do país. A liberação do recurso foi publicada na portaria 3.815, de 26 de dezembro de 2017. O investimento contribui para qualificar, ampliar e fortalecer o atendimento de Saúde Bucal por meio do Sistema Único de Saúde (SUS) em todo o Brasil.

 

Os recursos podem ser usados para aquisição de diversos equipamentos, como cadeira odontológica, mocho, compressor, autoclave, aparelho de Raio-x, fotopolimerizador e amalgamador. A compra dos equipamentos é mais um reforço na execução da Política Nacional de Saúde Bucal e dá suporte à ampliação e qualidade do trabalho das Equipes de Saúde Bucal, que atuam na Atenção Básica, principal porta de entrada para o SUS. Elas são responsáveis por realizar, minimamente, ações de promoção, prevenção, diagnóstico, tratamento, reabilitação e manutenção da saúde, orientadas pela premissa da resolutividade de pelo menos 80% das demandas apresentadas pelos cidadãos.

 

Em julho deste ano, o Ministério da Saúde anunciou a liberação de R$ 344,3 milhões para qualificar, ampliar e fortalecer o atendimento de Saúde Bucal pelo SUS, em todo o Brasil. Deste total, R$ 89,9 milhões são relativos ao custeio de 2.299 novas Equipes de Saúde Bucal. Outros R$ 2,6 milhões foram destinados à aquisição de 17 Unidades Odontológicas Móveis e R$ 1,9 milhão ao custeio de 34 equipes de UOMs, que aguardavam credenciamento para recebimento da contrapartida federal. Para a aquisição das cadeiras odontológicas, a pasta destinou R$ 250 milhões.

 

O Ministério da Saúde investiu R$ 1,78 milhão em novembro deste ano para implantação de 35 Centros de Especialidades Odontológicas (CEOs) em 14 estados. São unidades de saúde com atendimentos especializados, preparadas para oferecer diagnóstico com ênfase na detecção do câncer de boca, periodontia especializada, cirurgia oral menor, endodontia e atendimento a portadores de necessidades especiais. Ainda em novembro, a pasta também fez a entrega simbólica de 2,6 milhões de kits de saúde bucal para comunidades indígenas de todo o Brasil. Foram adquiridos para os 34 DSEIs um total de 2,6 milhões de kits de higiene bucal, contendo creme, escova e fio dental, num investimento total de R$ 3,98 milhões.