PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
12/03/2018 17h33

São Pedro da Cipa projeta parque ambiental e balneário municipal na Beira Rio

assessoria de imprensa


Com a realização da contenção do assoreamento no rio São Lourenço, que
corta a lateral da Praça Beira Rio em São Pedro da Cipa, nasce o projeto
para a construção de um balneário municipal no local. Essa foi a
afirmação conjunta do prefeito Alexandre Russi e do senador Wellington
Fagundes, durante visita “in loco” nesta segunda-feira (12.03). A obra
faz parte do cronograma de ações do Departamento Nacional de
Infraestrutura de Transportes (DNIT), nos trabalhos duplicação e desvio
da BR-364.

 

Os próximos passos, acerca do cronograma de trabalho, foram esclarecidos
pelo corpo técnico do DNIT, formado pelo diretor nacional Luiz Henrique
Garcia e pelo superintendente regional de Infraestrutura Orlando Fanaia.

 

“Estamos aproveitando para humanizar a obra, ou seja, ao mesmo tempo que
estamos fazendo o desvio da rodovia, também estamos aproveitando para
proteger o rio, fazendo uma obra ambiental e turística. Estamos
projetando para uma área de lazer, caminhadas, recreação, enfim, um
grande clube municipal”, garantiu o senador.

 

O prefeito Alexandre Russi confirmou que pretende acelerar as
tratativas, para a conclusão de um projeto conciso e a alocação dos
recursos. “É a oportunidade de fazer esse balneário municipal ou
regional. Algo comunitário, para que as pessoas tenham seu lazer. A
gente sabe que é importante isso, pois gera emprego, renda e a gente
agrega valor a obra”, avalia.