PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
18/05/2019 21h23 - Atualizado em 19/05/2019 17h39

Aprimoramentos no site da ALMT facilitam acesso às informações e a participação popular

MAÍRA NIENOW / Secretaria de Comunicação Social


Para dar mais transparência e simplificar o acesso às informações sobre tudo que acontece no Parlamento estadual e também sobre os serviços disponíveis aos cidadãos, a Assembleia Legislativa tem aprimorado as funcionalidades do site institucional. Por meio dele é possível acessar informações, acompanhar todos os processos protocolados na Casa e a tramitação das propostas legislativas, além de dispor de um espaço para sugerir projetos de lei.

 

Com pouco mais de 3900 usuários já cadastrados, as principais demandas têm sido por pedidos de informações, manifestações na Ouvidoria, solicitações de documentos do Instituto Memória do Poder Legislativo (IMPL) e sugestão de propostas para criação de leis, segundo Yara Fernandes, analista de sistemas da Coordenadoria de Informática da ALMT.

 

Ela explica que, apesar de existir já há algum tempo, a ferramenta vem sendo aprimorada de acordo com as demandas que vão sendo observadas em cada setor da Casa. É o caso da Secretaria de Serviços Legislativos (SSL), que, no final do ano passado, incluiu uma nova funcionalidade para o que o cidadão possa interagir, opinando de forma favorável ou desfavorável sobre os projetos em tramitação na Casa e se cadastrar para receber notificações sobre os trâmites dos projetos.

 

“Este é um instrumento para a sociedade acompanhar e fiscalizar os trabalhos parlamentares. Possibilita ao cidadão se manifestar e ajuda a direcionar as pautas de discussões. E, para os deputados, é uma forma de conhecer melhor as expectativas e atuar na resposta aos anseios dos cidadãos”, destaca o supervisor de documentação, Gabriel Lucas Scardini Barros.

 

“Sempre recebemos muitas ligações de pessoas querendo mais informações. Esta é uma forma das pessoas acompanharem de perto todos os estágios da tramitação e ainda opinar sobre os projetos de interesse. Tudo de forma simples e facilitada.”, conclui.

 

As funcionalidades são acessíveis mediante um cadastro. Para fazer a inscrição, acesse o login, no canto superior direito da página principal do site (www.al.mt.gov.br). Para se cadastrar é preciso ter um e-mail válido, fornecer algumas informações pessoais e criar uma senha de acesso. Não podem ser usados domínios que fornecem e-mails temporários. “O cadastro é muito importante para gerar um relatório real da participação e garantir um retorno confiável das informações”, destaca o supervisor.